sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Continua igual.




Tudo continua igual...

Aquele amor que eu senti da primeira vez que te vi,
continua igual.

Aquela espera por uma ligação ou por uma mensagem.
Aquele ciúme exagerado.

Aquele medo de te perder a cada briga 
e a espera 
pelo pedido de desculpas no dia seguinte.

Aquele sentimento bom quando fazemos as pazes 
e depois juramos nunca mais brigar.

Tudo está igual.

Apenas uma coisa mudou, aquele medo de te perder, 
agora já não é só mais um medo...

sábado, 24 de novembro de 2012

Simplesmente Eu



Sou nada ou talvez eu seja tudo.
Eu sou sem você e também sou nada com você.
Eu sou a confusão, eu sou quem não quero ser.
Sou as coisas que não são.
Eu sou o talvez ou apenas um não sei...

Pensa em mim.


Pergunto-me se você ainda pensa em mim...
É difícil esquecer um amor antigo, mas será que você 
pensa em mim?
E quando você está com ela, você pensa em nós?
Eu sei que não sou igual a ela e nem quero ser, também sei 
que não sou melhor que ninguém.
Mas ainda me pergunto se você pensa em mim.
Mesmo que seja em meus defeitos e loucuras, eu só queria 
que você ainda pensasse em mim...




segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Eu só queria...





Naquele dia eu te disse que te odiava e que era para você ir embora. E você foi.

Quando você voltou eu disse que não te queria de volta. E você aceitou...

E na verdade o que eu queria era que você não tivesse ido, eu queria que você tivesse me abraçado e ficado.

Eu queria tanto que você tivesse lutado por nós, como eu sempre fazia...

Mas você simplesmente aceitou.

A única coisa que eu queria, era que você não tivesse aceitado as minhas mentiras...

E agora o que eu quero, nem eu sei...